Histórias inspiradoras da Micro Focus

Adesão ao Ela Pode ser Tech da PWC para o equilíbrio de gênero

Adesão ao Ela Pode ser Tech da PWC para o equilíbrio de gênero

A Micro Focus aderiu ao estatuto Ela Pode ser Tech da PWC para apoiar ativamente um dos principais temas que incentivamos em nossos negócios – combate ao desequilíbrio de gênero no setor de tecnologia. Agora somos um dos 150 signatários do estatuto Ela Pode ser Tech da PWC, parceiros da Aliança Estratégica, um grupo de organizações que representam uma ampla variedade de setores que se comprometeram a trabalhar juntas para aumentar o número de mulheres e meninas que participam das funções de tecnologia no Reino Unido.

Adesão ao Ela Pode ser Tech da PWC para o equilíbrio de gênero

O estatuto nasceu a partir de uma pesquisa mostrando que somente 27% das jovens no Reino Unido consideravam ter uma carreira na área de tecnologia, em comparação aos 62% de rapazes. Apenas 3% das mulheres que participaram da pesquisa disseram que teriam como primeira escolha uma carreira na área de tecnologia. Notícias recentes da imprensa relatam um declínio no número de meninas que optam por estudar Tecnologia da Informação e Comunicações (TIC) ou computação no nível GCSE (uma qualificação acadêmica da escola secundária inglesa) – três vezes mais meninos do que meninas fizeram essas provas em 2019.

Atrair e recrutar talentos com diversidade é importante para todos os setores, mas essencial para a área de tecnologia. Diz a diretora de CSR, Sarah Atkinson: “A Micro Focus está empenhada em ajudar a inspirar meninas a considerarem carreiras técnicas, mas nenhuma empresa, ONG ou departamento governamental pode resolver isso sozinho; precisa ser uma parceria de várias partes interessadas, e é por isso que temos orgulho de nos tornarmos signatários do estatuto Ela Pode ser Tech”.

Por ter aderido ao estatuto, a Micro Focus passará a ter acesso a materiais de aprendizado impactantes que os funcionários podem usar nos seus dias de voluntariado para ajudar a motivar e inspirar meninas e minorias a considerarem uma carreira na área de tecnologia.

 

Adesão ao Ela Pode ser Tech da PWC para o equilíbrio de gênero1

O estatuto Ela Pode ser Tech tem como meta abordar a causa raiz do problema no nível da sociedade, inspirando e educando meninas e mulheres a ingressarem em carreiras técnicas e compartilhando as práticas recomendadas entre as organizações envolvidas.

Nos últimos 12 meses, um piloto de engajamento de escolas chamado Tech We Can beneficiou 726 estudantes de 10 a 13 anos de nove escolas do Reino Unido. O programa fornece aos professores planos de aula adequados para mulheres, oferecendo aos meninos e meninas na sala de aula uma visão de como é trabalhar na área de tecnologia e por que é uma ótima opção de carreira futura para pessoas de todas as origens.

Adesão ao Ela Pode ser Tech da PWC para o equilíbrio de gênero2

Cada empresa envolvida no Ela Pode ser Tech concorda em trabalhar em fluxos de atividades conjuntas, incluindo:

  1. Apoiar políticas – liderar o debate sobre diversidade em conjunto com educadores e formuladores de políticas
  2. Melhorar a educação – fornecer conteúdo educacional inspirador para professores, conselheiros de carreira, pais e alunos para valorizar o programa de estudos de tecnologia e mostrar aos jovens, especialmente às meninas, a possibilidade de uma carreira na área de tecnologia
  3. Desenvolver uma nova imagem – criar modelos de cargos que inspirem, com os quais as crianças e jovens adultos – principalmente meninas – se identifiquem e compreendam a amplitude de oportunidades de carreira disponíveis na área de tecnologia.

Nossa adesão ao Ela Pode ser Tech é um ótimo exemplo de como podemos criar e expandir relacionamentos com parceiros e clientes através de valores compartilhados.

release-rel-2020-9-2-5123 | Tue Sep 15 18:06:14 PDT 2020
5123
release/rel-2020-9-2-5123
Tue Sep 15 18:06:14 PDT 2020